20.8 C
Campo Grande
terça-feira, julho 5, 2022
InícioCidadePolícia Civil recupera mais de R$ 250 mil em joias e objetos...

Polícia Civil recupera mais de R$ 250 mil em joias e objetos furtados

A Polícia Civil, por intermédio da Delegacia Especializada na Repressão aos Crimes de Roubos e Furtos (DERF) e Delegacia de Repressão aos Crimes de Furtos e Roubos de Veículos (DEFURV), recuperou mais de R$ 250 mil em joias e outros objetos subtraídos, além de identificar e autuar em flagrante os autores do furto qualificado.  Os itens foram subtraídos de uma residência localizada na Avenida Presidente Vargas, na Vila Duque de Caxias, em Campo Grande-MS.

De acordo com o Boletim de Ocorrência, na última quinta-feira, 12/05, a vítima F.A.V.C. comunicou o furto ocorrido em sua residência, de onde foram subtraídos vários pertences pessoais dentre eles grande quantidade de joias inicialmente avaliadas em R$ 150 mil.

Assim que tomou conhecimento dos fatos, a Polícia Civil iniciou trabalho investigativo para identificar a autoria e recuperar os objetos furtados e na manhã da sexta-feira, 13/05, uma equipe de investigação da DEFURV conseguiu localizar e prender em flagrante delito os autuados E.H.C.D.S. (19 anos), K.G.M.D.S. (19 anos) e o adolescente infrator F.D.S.C. (17 anos), os quais estavam prestes a adentrar em um veículo de transporte via aplicativo. Com ele os policiais encontraram uma sacola plástica contendo parte das joias subtraídas.

Durante entrevista os autores tentaram negar a autoria delitiva, contudo acabaram confessando o crime informando de forma detalhada como se deu. Por se tratar de furto em residência, o caso foi encaminhado para a DERF, que após acionar a vítima e confirmar que não estavam todos os objetos no local, houve a realização de diligência complementar, que culminou na recuperação das demais joias, pares de tênis, perfumes, vídeo games e camisetas de times de futebol.

Ao todo houve a recuperação de 111 peças de joias diversas, além dos objetos acima descritos, totalizando mais de R$ 250 mil. Ainda houve a qualificação do coautor O.L.O.O (24 anos), o qual até o momento não foi localizado e está foragido do Poder Judiciário.

O veículo utilizado pelos autores para a realização da prática delituosa foi apreendido. O adolescente infrator foi encaminhado e autuado pela Delegacia Especializada de Atendimento à Infância e Juventude, enquanto os demais foram autuados em flagrante delito e encaminhados para a audiência de custódia que homologou a prisão em flagrante e a converteu em prisão preventiva.

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

Most Popular