22.9 C
Campo Grande
terça-feira, agosto 16, 2022
InícioDestaqueOperação Nova Aliança encerra 32ª fase com a destruição de 834 toneladas...

Operação Nova Aliança encerra 32ª fase com a destruição de 834 toneladas de maconha no Paraguai

Terminou na semana passada mais uma fase da ação conjunta que visa erradicar plantações de maconha em território paraguaio. A Polícia Federal e a Secretaria Nacional Antidrogas do Paraguai (SENAD) estão à frente da denominada Operação Nova Aliança.

Durante os dias de missão em campo, o resultado foi a destruição de 834 toneladas da droga, além de inutilização de diversos insumos utilizados em sua produção. Outros números que merecem destaque são: 257 hectares de cultivo erradicados; 103 acampamentos de traficantes destruídos. Ainda cabe ressaltar que 100 pessoas estiveram envolvidas diariamente, entre Policiais Federais e Forças Especiais da SENAD/Paraguai.

A Polícia Federal, além de ceder efetivo para a operação, ainda trabalha na logística. Uma vez que há vários pontos de plantio da droga, por muitas vezes com acesso difícil e distantes uns dos outros, a PF cede aeronaves para o transporte dos agentes de segurança, especialmente os paraguaios, até esses locais.

A Polícia Federal também conta com o apoio de seu Oficial de Ligação junto à SENAD, Edson Faria. Ele trabalha no planejamento e coordenação dos trabalhos e faz a interlocução entre autoridades dos dois países.

Números de outras fases

Em 2021, a Nova Aliança erradicou 5.401 toneladas de pés de maconha – um recorde em relação aos anos anteriores. Em 2020, 1.190 toneladas foram destruídas; e em 2019, 3.430 toneladas.

A cooperação internacional com a Polícia Federal brasileira faz parte da estratégia do Paraguai no combate ao crime organizado para erradicar a produção de plantio de droga em seu território. O intuito é atacar o cultivo antes que o ilícito chegue ao território brasileiro. Estima-se que cerca de 90% das drogas plantadas no Paraguai tenham como Brasil.

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

Most Popular