22.9 C
Campo Grande
terça-feira, agosto 16, 2022
InícioCidadeCarreta da Justiça completa seis anos de eficiência em agosto

Carreta da Justiça completa seis anos de eficiência em agosto

Prestes a completar seis anos levando a justiça para mais perto da população, a Carreta da Justiça continua entregando à população sul-mato-grossense uma prestação jurisdicional de qualidade e com muita eficácia.

A Carreta da Justiça faz parte do programa “Judiciário em Movimento”, que tornou 100% dos municípios sul-mato-grossenses sedes de comarcas. Para quem não sabe, a carreta é uma miniatura de um fórum: gabinete do juiz, sala para Promotor, Defensor Público, sanitário, uma pequena copa e a varanda de 44 m² na frente para recepção das pessoas.

Com jurisdição em todo o Estado e competência para apreciar e julgar todas as ações de natureza cível, criminal e juizados especiais distribuídas durante suas jornadas, assim como atuar em mutirões processuais, inclusive em processos do Tribunal do Júri, nesta edição, a Carreta da Justiça está sob o comando da juíza Kelly Gaspar Duarte Neves, a primeira mulher a responder pelos trabalhos desde que a proposta foi implantada, no dia 24 de agosto de 2016.

“É uma honra ser a primeira mulher a comandar um trabalho tão importante, que leva a justiça nas comarcas onde não existem ainda prédios do Fórum, evitando que a população tenha que se deslocar para outra comarca em busca de atendimento. Como juíza, posso afirmar que é uma oportunidade preciosa de estar mais perto daquele que espera da magistratura uma justiça célere, eficiente e principalmente eficaz. A Carreta da Justiça aproxima, mostrando que o Poder Judiciário se importa com a população. Esta será uma experiência que não esquecerei tão facilmente”, disse Kelly.

Pelo calendário, os próximos atendimentos da Carreta da Justiça serão nos municípios de Corguinho (1 e 2/8), Rochedo (4 e 5/8), Selvíria (29 e 30/8), Santa Rita do Pardo (1 e 2/9), Novo Horizonte do Sul (3 e 4/10), Taquarussu (6 e 7/10), Vicentina (7 e 8/11), Jateí (10 e 11/11), Japorã (28 e 29/11), Juti (1 e 2/12), Laguna Carapã (12 e 13/12) e Douradina (15 e 16/12).

Ressalte-se que com a sanção da Lei nº 4.904/2016, que regulamenta a Emenda Constitucional que acrescenta o art. 112-A à Constituição Estadual de MS, os 79 municípios sul-mato-grossenses tornaram-se sede de comarca.

Dessa forma, enquanto as comarcas de Alcinópolis, Antônio João, Aral Moreira, Bodoquena, Caracol, Corguinho, Douradina, Figueirão, Guia Lopes da Laguna, Japorã, Jaraguari, Jateí, Juti, Ladário, Laguna Carapã, Novo Horizonte do Sul, Paraíso das Águas, Paranhos, Rochedo, Santa Rita do Rio Pardo, Selvíria, Tacuru, Taquarussu e Vicentina não têm prédios de Fóruns, a população dessas cidades será atendida pela Carreta da Justiça.Autor da notícia: Secretaria de Comunicação – [email protected]

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

Most Popular